Saúde da Coluna

In Artigos de Opinião, Saúde - Artigos de Opinião by RedaçãoDeixe um comentário

Uma problemática comum para quem sofre de problemas de coluna é o repouso associado a um paradigma existente nos nossos serviços de saúde e educacionais, bem enraizado na mentalidade de muitas pessoas. Na realidade, posturas estáticas são factores de agravamento de dores na coluna, ficar deitado ou sentado por períodos excessivos de tempo poderão muito bem ser a CAUSA DE DOR nas costas.

Sabia que acordamos um pouco mais altos em comparação com o momento em que nos deitamos, e que existe uma variação diurna no comprimento da coluna com variações possíveis e 19 milímetros? De facto, a coluna é maior após uma boa noite de sono. Quando nos deitamos, os discos enchem-se de fluído afastando as vértebras entre si, alongando a coluna. Devido a este mecanismo fisiológico, quando acordamos e nos levantamos, a coluna encontra-se mais rígida por um período sensivelmente de duas horas, o tempo que o excesso de líquido demora a ser expelido por a compressão exercida das forças verticais da gravidade sobre as vértebras. Este é um fluxo natural saudável permitindo a nutrição dos discos intervertebrais. Por este factor permanecer numa posição horizontal por mais de 8 horas torna-se problemático, pois a coluna continua a “espandir-se” podendo originar dores nas estruturas. Limitar o tempo na cama poderá ajudar.

Aprenda a ser eficiente em lidar com o stress sem comprometer a saúde estrutural, tenha um cuidado especial aos movimentos que realiza logo após acordar, com os discos cheios de fluidos, a sua coluna está mais vulnerável a lesões no período matinal. Tenha atenção a padrões de flexão, extensão e rotação nestes instantes. Muitas das lesões relatadas são provocadas a realizar tarefas do quotidiano como fazer a cama, tirar a roupa da máquina, elevar uma carga do chão, um movimento de rotação a entrar no carro, ou a sair da cama de forma pouco cuidada.

Cuide da sua postura, não permaneça demasiado tempo sentado, em frente a um computador com a coluna arredondada, cabeça e ombros anteriorizados. Estar sentado é das piores posições para a saúde da coluna, onde são exercidas forças compressivas de grande magnitude, que levam a danos e degenerações discais.

A saúde da coluna, especificamente a nutrição do disco é dependente da movimentação. LEVANTE-SE! ERGA-SE! LIBERTE-SE! MOVA-SE! CUIDE DOS SEUS MOVIMENTO! LEVANTE CARGAS PESADAS! Sabia que o treino de força fortalece a matriz de colágeno, e que o treino exclusivamente de mobilidade suaviza a matriz que mantém as fibras de colágeno unidas e diminui a capacidade de sustentar cargas? Respeite a sua individualidade, se tiver uma coluna com hipermobilidade sem estabilidade e controlo motor poderá comprometer gravemente as estruturas da coluna. Pense, nos ginastas, em determinada fase de vida tem problemas graves de degeneração na coluna.

Cada pessoa é única, com adaptações específicas, e necessidade de estímulos de força, de mobilidade, de melhorar a capacidade de sustentar carga. Precisamos de Educação, de aprender movimentos ideais, para ter saúde e ausência de lesões e de doenças. Movimentos bem executados, posturas e cargas ideais podem construí um corpo saudável, manter um desempenho de alto nível e preservar o prazer de estar livre de dor ao longo da vida. Ao contrário, pouco ou nenhum movimento, a selecção de exercício inapropriados e uma má programação de treino, que não contemple regeneração e adaptações apropriadas, podem criar stress cumulativo e doença.

Ricardo Silvestre
Performance Specialist & Certified Personal Trainer

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.