Fernando Santos: “Nunca dominámos totalmente o jogo”

In Futebol by RedaçãoDeixe um comentário

O Selecionador Nacional refere que houve pormenores negativos e positivos no empate diante dos EUA, realçando que a Equipa das Quinas nunca teve o controlo total da partida.

Após o empate diante dos EUA (1-1), em Leiria, Fernando Santos analisou a prestação da formação portuguesa e sublinhou o crescimento na 2.ª parte: “Na primeira parte, a equipa não teve bola, perdeu-a muitas vezes. Sofremos um golo e tivemos alguma felicidade no golo que fizemos. Criámos ali algumas chances. Os jogadores trabalharam e procuraram fazer bem. Na segunda parte melhorámos bastante, conseguimos circular melhor, mas não com a fluidez que é normal. O jogo nunca foi totalmente dominado por nós”, referiu.

O Selecionador Nacional ainda rejeitou a ideia de que estes dois encontros se tratavam de um teste aos jogadores: “Se se ganha um jogo, vamos ficar muito entusiasmados. Se não se ganha, vamos ficar todos muito tristes. Já disse que não estavam aqui a fazer nenhum teste. Obviamente que o que se vê no jogo é importante, mas o que se vê no treino é tão importante como o que se vê no jogo. Estes jogadores estiveram aqui porque já faziam parte do lote. Senão não tinham vindo aqui”, assinalou.

Para concluir, Fernando Santos ainda destacou a vertente solidária presente nestes dois encontros: “Foi muito importante. Os jogadores sentiram, todos nós sentimos. Tenho a certeza de que na segunda-feira vai começar a ver-se o trabalho”, finalizou.

Fonte: Federação Portuguesa de Futebol

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.