Derrota dos juvenis do Viseu United pintada com tons de alguma injustiça

Em Futebol Formação por AdminDeixe um comentário

Académico Viseu 2 -1 Viseu United 
Golos Académico Viseu: Leo (9 min) e Melo (18 min)
Golo Viseu United: Ricardo (30 min)

Académico Viseu: João Carvalho, Francisco (Bernardo, 65 min), Gabriel, Pedro Oliveira, Kiki, Rodrigo Lopes, Pedro Pereira (Marcos, 70 min), Tó, Melo, Jacques (André Amaral, 70 min) e Leo.
Suplentes não utilizados: Rúben.
Treinador: Carlos Santos.

Viseu United: João Cardoso, João Torrinhas, Iuri, Gonçalo (Diogo Torrinhas, 65 min), Raul, Guilherme, Pedro Neto, Ricardo, Diogo Paiva, Diogo Gouveia e Henrique (Tiago, 6 min)
Suplentes não utilizados: Nuno, David, Proença e João Teixeira.
Treinador: Cabido.

Árbitro: Hugo Xavier.

Os juvenis do Viseu United defrontaram a equipa do Académico de Viseu em mais um derby citadino, onde ambas as equipas procuravam uma vitória que lhes permitisse subir na tabela classificativa.

O Académico entrou melhor na partida e aos 4 minutos Raul numa intercepção de bola leva a bola a passar perto da sua baliza criando alguns calafrios aos adeptos da sua equipa.

O marcador viria a ser inaugurado aos 9 minutos num centro remate de Leo que ainda bate no poste e ruma para dentro da baliza de João Cardoso. Um lance com alguma fortuna do jovem avançado academista que colocava a sua frente no marcador.

Os jovens do Viseu United tentaram reagir a este golo mas viriam a sofrer um duro revés quando num lance no interior da sua área no seguimento de um lance de bola parada o árbitro Hugo Xavier assinala grande penalidade a castigar uma mão de Diogo Gouveia quando este se encontrava de costas para o lance. Uma decisão muita polémica mas o qual Guilherme Melo mostrando uma enorme frieza na altura da marcação do mesmo remata forte e faz o segundo golo academista.

A reação forasteira foi célere e aos 21 minutos na marcação de um livre Iuri vê a bola ser devolvida caprichosamente pela barra da baliza academista.

Seis minutos depois é Guilherme Melo a rematar com bastante perigo para a baliza de João Cardoso.

Aos 30 minutos Ricardo ganha em velocidade e entrega a bola a Pedro Oliveira e perante João Carvalho faz o golo que empolgava os jovens jogadores do Viseu United.

Quatro minutos depois boa jogada academista com a bola a chegar a Leo que remata bem mas vê João Cardoso com uma grande defesa negar o golo.

Primeira parte bastante emotiva e onde o Viseu United regressava aos balneários com um travo amargo de injustiça, onde o empate se ajustava melhor.

A segunda parte começou com os jovens do Viseu United a procurarem o golo e aos 45 minutos Rodrigo remata com perigo.
Três minutos depois Melo ganha o lance mas em boa posição não consegue o melhor remate.Na resposta livre de Iuri para Raul subir mais alto mas sem dar o melhor seguimento ao mesmo.
Esta segunda parte foi jogada a um ritmo muito mais baixo motivado pelas muitas interrupções na partida e com isso as oportunidades foram escasseando e só aos 65 minutos se viria a assistir a um momento de perigo num livre de Gonçalo que passa perto da baliza academista.
Aos 76 minutos é a vez de Leo numa boa jogada individual aparecer a criar perigo para João Cardoso
Derrota do Viseu United algo injusta onde por tudo o que ambas as equipas fizeram o empate seria o prémio mais justo sublinhando a má arbitragem onde o maior pecado foi a grande penalidade que só ele pode indicar o motivo par além de permitir que nos últimos minutos houvesse um antijogo em demasia que nada beneficiou o espectáculo.



Outros resultados:
Viseu 2001 – Vouzelenses 10:1
Viriatos – Oliveira Frades 1:6
Lusitano Vildemoínhos – Penalva Castelo 5:2

Clube
J
V
E
D
GM
GS
Pontos
Lusitano Vildemoinhos 4 4 0 0 19 6 12
Viseu 2001 4 3 0 1 15 6 9
Viseu Benfica 3 2 1 0 7 2 7
Oliveira Frades 3 2 0 1 10 4 6
Viriatos 4 1 1 2 10 9 4
Académico Viseu 3 1 0 2 2 3 3
Viseu United 4 1 0 3 5 10 3
Penalva Castelo 2 0 0 2 4 9 0
Vouzelenses 3 0 0 3 1 26 0

Deixe um comentário