Gafetense 1-3 Académico Viseu: Zé Pedro resolveu

Em Futebol, Taça de Portugal por Admin

Hat-trick do ponta de lança coloca viseenses na próxima fase

O Académico de Viseu está na 3ª eliminatória da Taça de Portugal depois de vencer por 1-3 o Gafetense. O ponta de lança dos beirões foi a grande figura da partida ao apontar os 3 golos da turma que viajou desde a Cidade de Viriato.

No entanto o resultado foi bem melhor que a exibição dado que o Académico de Viseu chegou a sentir inesperadas dificuldades perante um adversário inferior e aguerrido que se ambientou melhor ao mau relvado sintético do Municipal do Crato.

Já depois de ter visto o perigo rondar a sua baliza, o conjunto viseense chegou à vantagem por intermédio de Zé Pedro aos 27 minutos. Depois de um grande cruzamento de Tomé, o 89 cabeceou e contou com as mãos ‘escoregadias Fernando Junior que deixou, literalmente, a bola escapar para dentro da sua baliza. Em vantagem no marcador, o mais dificil parecia feito, mas não.

Logo a seguir, Diogo Freire foi traído pelo ressalto da bola no relvado sintético e ao hesitar sair dos postes acabou batido por Ivo Braz. Aos 31’ era a explosão de alegria no Crato com o Gafetense a igualar o jogo. A verdade é que os de Viseu sentiram, em demasia, o empate e até ao intervalo foi novamente o conjunto de Gáfete que esteve à beira do golo, e de novo com Ivo Braz no lance.

Com 1-1 no marcador, o segundo tempo trouxe um jogo mais sonolento mas com o Académico de Viseu a querer ser mais ‘mandão, chegando com naturalidade ao 1-2, novamente com Zé Pedro em destaque a encostar de cabeça, depois de cruzamento na esquerda de Moses, estavam jogados 57 minutos.

Outra vez na frente, o grupo de André David tinha o jogo controlado, e mais ficou quando Fernando Junior ‘acabou’ com o jogo. O guarda-redes do Gafetense foi expulso depois de agredir o ponta de lança dos academistas num lance que teve tanto de carito como de reprovável por parte do dono das redes do emblema de Gáfete. Consequência, grande penalidade e novo golo de Zé Pedro que assim completou um saboroso hat-trick.

Até ao fim pouco mais houve a assinalar, com os viseenses a controlarem o encontro. Desta forma o Académico está na próxima fase onde vai poder encontrar um adversário da Primeira Liga. Nota ainda para a entrega do Gafetense que no ano de estreia nos campeonatos profissionais foi um digno vencido mostrando parte da ‘magia’ presente nesta prova chamada Taça de Portugal.