Ciclismo e turismo de mãos dadas nas Aldeias do Xisto

Em BTT, Ciclismo de Estrada por AdminComentários de 0

No âmbito do projeto Cyclin’Portugal, as Aldeias do Xisto mantêm a sua aposta na promoção do ciclismo e do turismo em bicicleta no nosso país, através de uma série de provas dedicadas aos amantes da bicicleta e respetivas modalidades. Acaba de ser apresentado o novo calendário nacional Cyclin’Portugal Aldeias do Xisto 2018, de onde se destacam inúmeras provas a decorrer ao longo deste ano: Campeonato da Europa de Downhill, Clássica Aldeias do Xisto e o Passeio da Primavera.

Reconhecendo a importância que a prática de bicicleta tem para a região Centro e para o país, as Aldeias do Xisto mantêm a sua aposta no turismo de bicicleta promovendo uma série de iniciativas que vão ao encontro da prática do ciclismo, mas que também incentivam e realçam o turismo nacional, sobretudo na afirmação do turismo ativo e de natureza. Uma conjugação perfeita que é uma realidade nas Aldeias do Xisto!

Nesse sentido, o projeto Cyclin’Portugal surge, não só como agregador destes dois tipos de turismo mas também como um incentivo para prática do desporto de competição. Assim, foi apresentado, hoje, o calendário nacional de provas do Cyclin’Portugal Aldeias do Xisto 2018 que conta este ano com diversas competições.

A segunda edição da Clássica Aldeias do Xisto realiza-se a 25 de março e, à semelhança do ano anterior, será a prova que decidirá os vencedores do Troféu Liberty Seguros. A Clássica Aldeias do Xisto 2018 mantém as caraterísticas que lhe dão uma personalidade própria no conjunto do calendário nacional de ciclismo, atravessando várias Aldeias do Xisto. A corrida será composta por 145 quilómetros, partindo de Álvaro (12h00), prevendo-se a chegada à Aldeia das Dez para cerca das 15h50. A meta coincide com uma contagem de montanha de terceira categoria. A viagem do pelotão conta com mais duas subidas pontuáveis para a classificação dos trepadores. Além das aldeias de partida e de chegada, o colorido do pelotão vai ainda animar as aldeias de Janeiro de Baixo, Janeiro de Cima, Fajão e Vila Cova de Alva.

O dia 25 de março será também marcado por um evento de ciclismo para todos, o Passeio da Primavera, uma prova de acesso a praticantes amadores, destinado a celebrar o renascimento da natureza, numa região fustigada, nos últimos meses, por vários incêndios. Composto por um trajeto de 45 quilómetros, inicia-se na Ponte das Três Entradas (9h30), terminando na Aldeia das Dez. Os participantes terão a oportunidade de conviver enquanto esperam pelos corredores profissionais, que ali encerram a Clássica Aldeias do Xisto.

Num âmbito do desporto mais radical, o Louzanpark será o centro das atenções dos praticantes e dos adeptos de Downhill (DHI). A 25 de março realiza-se uma etapa da Taça de Portugal daquela disciplina de BTT, que servirá de aperitivo para o prato principal da temporada velocipédica nas Aldeias do Xisto: o Campeonato da Europa de DHI, a disputar de 6 a 8 de abril, também no Louzanpark. O Campeonato da Europa vai juntar os melhores praticantes de todo o continente europeu das categorias de elite, juniores e masters. A 6 de abril decorrem os treinos oficiais, a 7 as qualificações cronometradas e no dia 8 a final, na qual serão conhecidos os novos campeões da Europa.

Além de evento de alta competição, especialmente nas categorias de juniores e de elite, o Campeonato da Europa tem a faculdade de ser uma iniciativa de massas, pois todas as provas com participação de masters têm também uma componente turísticas, dado ser um perfil de praticantes que aproveita as deslocações para se divertir e conhecer os territórios, além da prática desportiva.

A conjugação da prova da Taça de Portugal, inscrita no calendário internacional, com o Campeonato da Europa é uma oportunidade para que muitos praticantes e equipas permaneçam na região das Aldeias do Xisto durante várias semanas, treinando, estagiando e fazendo os últimos ajustes técnicos e táticos, antes da grande corrida de atribuição dos títulos europeus.

Infraestruturas Aldeias do Xisto para a prática de Ciclismo
As Aldeias do Xisto apresentam ótimas características para a prática das várias vertentes associadas à bicicleta, não só as paisagens para o ciclismo de estrada, mas também a orografia natural do terreno propício à prática do BTT nas suas várias disciplinas. De facto, não só a marca tem sido pioneira na criação de infraestruturas associadas à bicicleta (Centros de BTT, Bike Roads), na certificação dos serviços (Rede de Bikotels), como o território tem sido palco de alguns eventos distintivos no âmbito do Calendário de Animação das Aldeias do Xisto (Avalanche, Granfondo), e eleito por muitos dos principais atletas internacionais de BTT como o spot ideal para praticarem e testarem novos equipamentos.

Clássica Aldeias do Xisto: Clique Aqui

Deixe um Comentário