Raúl Alarcón é o vencedor da Volta a Portugal

In Ciclismo de Estrada by RedaçãoDeixe um comentário

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) confirmou no passado domingo a vitória na Volta a Portugal Santander com o terceiro lugar no contrarrelógio de 17,3 quilómetros, ganho por Vicente García de Mateos (Aviludo-Louletano-Uli).

A figura da última jornada foi mesmo García de Mateos, que cumpriu o exercício individual em 25m17s, menos 21 segundos do que o segundo mais rápido, João Rodrigues (W52-FC Porto). O terceiro foi Raúl Alarcón a 34 segundos.

Como se esperava, o contrarrelógio não modificou nada de substancial no topo da classificação. Raúl Alarcón conquista a segunda Volta consecutiva. O segundo classificado é Joni Brandão (Sporting-Tavira), a 1m03s. O tempo-canhão de Vicente García de Mateos deixou-o perto de Brandão, mas no terceiro lugar, a 1m14s do vencedor da Volta.

Tal com vem acontecendo há seis anos consecutivos, a estrutura agora denominada W52-FC Porto dominou a Volta a Portugal. Triunfou nas gerais individual e coletiva, viu Raúl Alarcón ser ainda coroado rei dos trepadores e venceu três etapa.

Vicente García de Mateos é outra das figuras da competição, porque ganhou a classificação por pontos e três etapas. Xuban Errazkin (Vito-Feirense-BlackJack) terminou como melhor jovem.

As equipas portuguesas dominaram esta edição da corrida, fazendo com que o primeiro homem de uma formação estrageira ocupasse o 15.º lugar da geral. Trata-se de Nathan Earl (Israel Cycling Academy).

Por nacionalidade dos ciclistas, a hegemonia espanhola foi completa. Os corredores do lado de lá da fronteira venceram todas as classificações em disputa e sete das onze etapas. Os corredores portugueses apenas têm a celebrar duas tiradas: Rafael Reis (Caja Rural-Seguros RGA) impôs-se no prólogo e Domingos Gonçalves (Rádio Popular-Boavista) foi o melhor na sexta etapa.

Classificação Completa: Clique Aqui

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.