Ivo e Rui Oliveira no pódio em Madison

In Ciclismo de Pista by RedaçãoDeixe um comentário

A dupla portuguesa formada pelos gémeos Ivo e Rui Oliveira conquistou a medalha de bronze na prova de Madison da Taça do Mundo de Pista, disputada em Minsk, Bielorrússia. É o segundo pódio do dia e o terceiro desta etapa da Taça do Mundo para Portugal.

A equipa nacional começou a prova a todo o gás, somando oito pontos nos dois primeiros sprints, o que deu a Ivo e Rui Oliveira o comando da classificação durante a maior parte da prova. A reação dos adversários foi forte e o pódio esteve em risco. A conquista da medalha de bronze deveu-se ao primeiro lugar no último sprint, cuja pontuação é a dobrar.

Portugal terminou a corrida de Madison com 25 pontos, menos dois do que os holandeses Wim Stroetinga e Roy Pieters. A vitória, com mais cinco pontos do que os lusos, foi para os representantes de Hong Kong, King Lok Cheung e Chun Wing Leung, ue dobraram o pelotão, numa prova disputada à estonteante velocidade média de 56,859 km/h.

O terceiro lugar em Madison é a segunda medalha do dia para Portugal e terceira em toda esta etapa bielorussa da Taça do Mundo. Ivo Oliveira foi ontem terceiro na corrida por pontos, o que lhe garantiu a vitória na classificação geral final, e foi hoje segundo em perseguição individual. O pódio de madison é de grande relevância, pois é o primeiro que Portugal consegue na Taça do Mundo em disciplinas olímpicas.

A terceira jornada da etapa final da Taça do Mundo 2017-18, a disputar neste domingo, conta novamente com a presença do duo português. Rui Oliveira alinha no concurso de omnium – scratch, tempo, eliminação e corrida por pontos -, que termina cerca das 17h30, hora prevista para o início da final de scratch, na qual tomará parte Ivo Oliveira.

Os irmãos Oliveira, expoentes máximos do ciclismo de pista português, estão a representar o país, neste fim de semana, na Taça do Mundo. Ao mesmo tempo, o Velódromo Nacional, em Sangalhos, Anadia, recebe hoje e amanhã o Campeonato Nacional de Pista. Prepara-se, assim, dentro de fronteiras, o futuro desta vertente da modalidade, com um recorde de participantes no Campeonato Nacional: 165 corredores.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.