FIM CEV 2019 – Mais de cem pilotos competem no Estoril

In Desporto Motorizado, Modalidades, Motociclismo by RedaçãoDeixe um comentário

Uma nova temporada do FIM CEV começa este fim‑de‑semana (6 e 7 de Abril) no Circuito do Estoril. Com teor mundialista e europeu de acordo com as distintas categorias, a série começa pelo segundo ano consecutivo naquele que foi cenário do MotoGP até ao ano de 2012, num ano com oito etapas que serão concluídas no dia 10 de Novembro no circuito Ricardo Tormo em Valência.

Naquela que é a derradeira ante-câmara do mundial MotoGP a luta pelo titulo mundial Junior Moto3 voltará a ser o grande foco de atenções no paddock e depois do campeão em 2018, Raul Fernandez, ter rumado ao mundial Moto3, o mesmo se passando com outros jovens pilotos como Sergio García, Ai Ogura, Can Öncü ou Celestino Vietti, chega agora o momento Aleix Viu (Sama Global Angel Nieto Team), Yuki Kunii (Asia Talent Team), Jeremy Alcoba (Laglisse Academy) ou Deniz Öncü (Red Bull KTM Ajo) lutarem lado a lado com a restante armada da categoria pelo título mais ambicionado entre aqueles que querem as melhores credenciais na chegada ao paddock do MotoGP.

Nesta categoria vai estar o vencedor da European Talent Cup em 2018, Xavier Artigas, o mesmo se passando com o segundo classificado, Victor Rodriguez ou o primeiro classificado na Asia Talent Cup Bill van Eerde.

Directamente do Europeu Moto2 em direcção ao mundial rumaram cinco pilotos: Lukas Tulovic (Kiefer Racing), Xavier Cardelús (Angel Nieto Team), Dimas Ekky Patrama (Idemitsu Honda Team Asia), Somkiat Chantra (Idemitsu Honda Team Asia) y Augusto Fernández (Pons HP40). Edgar Pons, vencedor do campeonato em 2015 e agora com a Baiko Racing Team, a nova equipa do ‘chef’ Karlos Arguigñano, vai tentar ser novamente campeão depois do segundo posto obtido no passado ano assumindo-se como a referência na categoria do lado de Hector Garzó e á qual chegam jovens ‘lobos’ oriundos da Moto3, como Gerry Salim (Astra Honda Racing Team) y Alex Ruiz (Fundación Andreas Pérez 77) ou de outros campeonatos como os pilotos da formação da VR46 Master Camp Team, Keminth Kubo e Anupab Sarmoon. Melhor parece estar igualmente  Superstock 600 – em 2018 dominada por Ivo Lopes no Estoril – com a chegada de pilotos como Kevin Orgis ou Peetu Paavilainen que chegam da ETC.

Na European Talent Cup a principal novidade é a ETC Serie2, com uma corrida que se destina aos pilotos não classificados para a grelha de partida da corrida principal. As sessões de treinos para a categoria serão realizadas em dois grupos por força dos 66 pilotos com inscrição permanente no campeonato, um recorde para a competição.

No competitivo e numeroso pelotão da European Talent Cup estará o único piloto português a participar neste campeonato, Francisco ‘Kiko’ Maria. Será o seu segundo ano a tempo inteiro no ETC, com objectivos mais ambiciosos que anteriormente e integrado numa das equipas mais competitivas do pelotão, a Impala Leopard Junior Team, formação que tem aqui a sua equipa escola para preparar pilotos para as Moto3.

Perspectiva-se assim um intenso fim‑de‑semana de corridas com seis duelos ao longo do dia de Domingo depois da jornada de treinos cronometrados no Sábado. A entrada para as bancadas A, B e E é gratuita e o bilhete para o ‘paddock’ tem um custo de 10 euros, podendo o público com esse acesso descobrir também os bastidores do campeonato e aceder mesmo ao Pit Lane Walk que se realizará no Domingo ás 10 horas e 15 minutos.

HORÁRIOS DOMINGO 7 de Abril

ETC Corrida 1                 (16 voltas) 11h00

Moto2™  Corrida 1          (18 voltas) 12h00

Moto3™                           (17 voltas) 13h00

ETC Corrida 2                 (16 voltas) 14h00

Moto2™ Corrida 2           (18 voltas) 15h00

ETC Serie2                      (16 voltas) 16h00

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.