Miranda Mortágua – Equipa muito combativa na Clássica Aldeias do Xisto

In Ciclismo, Ciclismo de Estrada, Modalidades by RedaçãoDeixe um comentário

A Clássica Aldeias do Xisto correu-se hoje, uma exigente corrida de 153,4 quilómetros,
entre Pedrógão Pequeno, Sertã, e Gondramaz, concelho de Miranda do Corvo. Percurso
muito duro, mas no qual a equipa se mostrou audaz e esteve sempre ao ataque e
representada na frente da corrida.
A corrida foi muito disputada desde o início, formando-se sucessivos grupos de
fugitivos, e onde a nossa esteve representada por Hugo Sancho. Nesta iniciativa, Hugo
Sancho à passagem pelos prémios de montanha, sprintava para o alto e somava assim
pontos para a Classificação da Montanha.


Muito combativo, Hugo Sancho a 15 quilómetros da meta seguia ainda isolado num
grupo de 4 corredores, eles que atacaram a subida final na frente da corrida. Dia muito
positivo para Hugo Sancho, em que com os pontos adquiridos nas passagens pontuáveis,
acabou por finalizar a Geral da Montanha na 2a posição.
No pelotão e com o suceder das dificuldades, num grupo cada vez mais curto, eram
Gaspar Gonçalves e Sérgio Vega que se mantinham entre os favoritos. A subida final
tornou-se decisiva, onde rampas muito acentuadas fizeram as diferenças. Sérgio Vega
acabou por ceder nas primeiras rampas e Gaspar Gonçalves, resistia e foi o nosso melhor
homem no dia de hoje, ao finalizar na 16a posição a 3m01s do vencedor Jóni Brandão
(Efapel).

 


Uma boa prestação coletiva levou a que a equipa fechasse o dia no 7a lugar na
Classificação Geral por Equipas, num dia muito duro onde apenas terminaram a prova
48 ciclistas. Um bom dia para a equipa onde no final Pedro Silva afirmava que “hoje
vimos uma equipa muito capaz e que deu muito boa conta de si numa prova duríssima.
Vimos o Hugo a um nível que já ansiávamos ver, muito atacante, na fuga do dia desde o
início do dia até à falta e 15 quilómetros para a chegada, o que é um excelente indicador.
No final, com o Gaspar e o Sérgio no grupo principal tínhamostambém garantias de uma
boa classificação e foi o que acabou por acontecer. Estou muito satisfeito com a equipa
no dia de hoje!”.
Dia muito positivo para a equipa que mostrou que tem uma palavra a dizer neste tipo
de corridas mais exigentes. O tempo de recuperação irá ser curto, a competição volta já
no próximo fim de semana com o Troféu “O Jogo”.

 

Classificação Etapa
Pedrogão Pequeno – Gondramaz: 154 kms
1.o Jóni Brandão (Efapel), 3h58m41s
16.o Gaspar Gonçalves (Miranda-Mortágua), a 3m01s
22.o Hugo Sancho (Miranda-Mortágua), a 4m00s
26.o Sergio Vega (Miranda-Mortágua), a 4m39s
OTL Jesús Nanclares (Miranda-Mortágua)
OTL Pedro Pinto (Miranda-Mortágua)
OTL Ivo Pinheiro(Miranda-Mortágua)
Classificação Geral por Equipas
1.o Efapel, 11h58m58s
7.o Miranda-Mortágua, a 8m45s

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.